22.11.11


Rascunho 24 - caderno de ideias: "A nan não para de sorrir na minha direcção. Os toques que vai dando na mesa com os seus dedos delicados parecem compor uma doce canção e a curiosidade de a descobrir parece não ter fim. E parece suavemente afundar-se com uma melodia mais agradável e inocente. As energias positivas saem sempre da alma dela e incrivelmente atingem sempre o meu corpo como se penetrassem por entre cada ponto aberto, e no fundo conseguem sempre encher os espaços desocupados ou carregados de malícia. Por instantes a minha casa, que até hoje se encontrou, assim, vazia, encheu com a força do pequeno coração de ferro da nan. E olha, escritos e rasgados 24 recados, eu espero que hoje aqueças o meu coração e adormeças no meu colo com aquelas festinhas nas orelhas, porque oh, eu também estou cansada. Ah, e por favor, não contes à beny que por aqui as coisas não correm assim tão bem pequena."

3 comentários:

Filipe Ribeiro disse...

so beautiful girl.... adorei mesmo... **
MESMOOO!

Alice disse...

Gostei muito (:

Filipe Ribeiro disse...

o prazer de ler é meu, eu é que agradeço*