19.7.12


Se sentires a brisa das nossas almas passadas, inspira. Arrasta-as para dentro do teu corpo e não expires mais. Lembra-te delas. Mantém essas cinzas dentro de ti. Dois corpos infinitamente apaixonados; com um futuro em comum. Com planos. Onde sonhos atacam aquelas mentes sonhadoras com vontade de as corroer até ao abismo. Situação de sobrecarrega é levada ao esquecimento. E hoje dois corpos aparecem perdidos. Sente o universo que devora a nossa geração. Sente-me a mim, sem controlo, a cair aos pedaços.  Sente-me sem ti. Amo-te, para sempre.

13 comentários:

han disse...

uma melancolia, um lágrima que cai, um pedaço de magia, perdi-me aqui.

Margarida disse...

adoro!

han disse...

mas não quero levar alguem bonito comigo. emerge bruni, emerge.

Abbie disse...

sinto-me bem aqui, sinto-me nestas tuas melodias de meia hora, sinto-me bem aqui..

sam disse...

eu tinha tantas saudades de te ler e dos teu miminhos. amo-te para sempre

May Rose disse...

estás directamente doce e quieta. doce e quieta como uma lady apaixonada rodeada de corações que lhe enchem a alma. quero que esse amor seja correspondido, quero-te feliz e ainda mais doce.

@lice B. disse...

adorei as palavras :$
vou seguir *

sam disse...

és linda, e eu gosto de ti assim leve. sou tua, sempre que quiseres

may rose disse...

é para isso que tens seguidoras, para te aquecerem o coração pequenina <3

sophia disse...

não tenho palavras, a tua escrita é maravilhosa doce

Abbie disse...

e eu gosto de ficar assim, dias inteiros, apaixonada.. e gostava que ele também.

sophie disse...

adoro, adoro o que escreves.

Patrícia Oliveira ♥ disse...

"Que a cada manhã a sua coragem acorde bem juntinho de você, sorria pra você, e o convide para viverem uma história toda nova, apesar do cenário aparentemente costumeiro."

Caio Fernando Abreu


...Que lindo este cantinho!!
adorei aqui, e com certeza ficarei :)

estou seguindo..
retribui??

beijos
http://momentosdapathy.blogspot.com.br